expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

sexta-feira, 18 de abril de 2014

MISSA DO LAVA PÉS MARCA A QUINTA-FEIRA SANTA

Desde quarta-feira (16), a celebração em torno da Semana Santa tem se intensificado para os católicos em Poço Verde. Depois da procissão dos homens e das mulheres saíndo de lugares diferentes até o  encontro na matriz de S.Sebastião; o padre José Carlos celebrou a missa dos Santos Oléos e do Lava Pés para a comunidade ontem à noite. 


Na ocasião, o paróco abençoou os óleos feitos de oliveira que serão utilizados durante todo o ano nas cerimônias de batismo, crisma e unção dos enfermos. Na missa, houve ainda a renovação dos votos sacerdotais. A Missa do Lava Pés recorda o último momento de Jesus com os discípulos antes de ser preso daí o simbolismo do padre lavando os pés de 12 pessoas da comunidade.

Nesta Sexta-feira Santa (18), haverá ainda a procissão do Senhor Morto cuja culminância na matriz dará a oportunidade de o fiel beijar simbolicamente os pés de Jesus bem como Nossa Senhora que está ao seu lado presentes no altar e guardados por um grupo de soldados romanos (figurantes).foto:pascom

quinta-feira, 17 de abril de 2014

COMO FICA O TEMPO NO TRÍDUO PASCAL


POÇO VERDE NÃO ESTÁ ENTRE OS 14!

Nesta quarta-feira (16), a Secretaria Nacional de Defesa e Proteção Civil do Ministério da Integração Nacional listou as 14 cidades sergipanas reconhecidas em situação de emergência. Poço Verde não figura na lista publicada. Sem o reconhecimento, nosso município terá dificuldade de receber ajuda do governo federal com maior agilidade durante um periodo com desastre natural tal qual a seca - o que não vem ocorrendo. Por outro lado, demonstra que a chuva tem sido boa com a região sudoeste do estado nos útimos meses. 

Os municípios reconhecidos pelo MIN são: Canindé de São Francisco, Feira Nova, Gararu, Gracho Cardoso, Itabi, Monte Alegre de Sergipe, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora da Glória, Nossa Senhora de Lourdes, Pedra Mole, Pinhão, Poço Redondo, Porto da Folha e São Miguel do Aleixo.

+ NEWS:


+ A reunião de "emergência" que o Ministério Público acabou obrigando o Estado a fazê-lo a fim de tomar providências quanto à falta de professores na rede pública estadual em Poço Verde ocorreu na manhã desta terça-feira (15) na biblioteca do Colégio Estadual Prof. João de Oliveira. Uma equipe de profissionais incluíndo o novo diretor da DRE-02 (Lagarto/Se) esteve com os diretores das estaduais: Ina Valéria (CEPJO), Ana Rita (Antônio Muniz), Carlos Henrique (Epifânio Dória) e representante do Sebastião da Fonseca (professora Creusa) para dizer que, dentre em breve, novos professores chegarão. Quando? Bem se depender da perícia de alguns convocados, daqui a alguns meses; outros lentes devem chegar a partir da próxima semana para fechar a carga horária de matérias como História, Português e Ciências, além de Educação Física. Áreas mais críticas como Sociologia e Filosofia devem perdurar por mais tempo sem professor em sala de aula. A resposta é de que não há mais nenhum aprovado para ser convocado no último concurso. Se depender das promessas para aplacar a cobrança da comunidade estudantil tudo estará resolvido antes de junho - período nada animador para quem está à espera de um milagre na frequente falta de professores no município.

quarta-feira, 16 de abril de 2014

VAI PINTAR? TOME CUIDADO!

Volta e meia a gente se depara com algum profissional da pintura automotiva ou da construção civil ou até mesmo algum autônomo fazendo o trabalho sem o devido cuidado necessário para a saúde. Preocupada com o problema, a CNNPV resolveu dar algumas sugestões sobre os riscos de quem tem de enfrentar a vida diária absorvendo o cheiro de metal pesado contido no produto.

De acordo com um site americano - Ehow - muitas oficinas de pintura usam químicos cáusticos, inflamáveis e cancerígenos em sua linha de trabalho, mais do que no comércio de reparação automotiva. Quando alguém,por exemplo, lixa uma superpefície metálica pra retirar parte do produto antigo, ela absorve "fragmentos abrasivos microscópicos de sílica, ferrugem e cloreto de metileno, juntamente com o crômio e o chumbo. (...) Estas partículas de poeira fina se espalham pelo ar e, sem ventilação adequada, acabam por sendo inaladas pelo pessoal da oficina. Inalar tais partículas, mesmo durante curtos períodos, pode causar asma, enfisema e outras doenças pulmonares relacionadas e irritação. Logo, é necessário usar máscaras e proteção para os olhos quando lixar e esmerilar metal nu ou superfícies pintadas.

Outro problema gritante é quando o contratado usa pressão para pintar algum maquinário, porta metálica etc. Sprays químicos de pintura espalhados pelo ar contêm cádmio, cromo e chumbo. (...)Todos estes produtos químicos no ar podem causar inflamação ou doença respiratória, assim como pruridos na pele e inflamações, reações alérgicas, danos em nervos e no cérebro, náusea, falência de órgãos, dor de cabeça e vômitos. Quem ainda usa lixadeira orbital pode jogar objetos em alta velocidade na direção do rosto ou do corpo, causando lesão no olho ou cegueira. Daí, a precaução para usar os óculos de proteção.

Mora com um desses profissionais? ajude-o a tomar os devidos cuidados: "não se deve ingerir ou preparar alimentos ou bebidas nas áreas onde se armazena ou se usa a tinta. Nos casos de ingestão acidental da tinta, procurar ajuda médica imediata. E mais: evite a inalação: Nos lugares com pouca ventilação é necessário usar máscara completa com alimentação de ar limpo ou uma máscara com filtros para vapores orgânicos. Os gases dos diluentes são mais pesados que o ar. Respirar esses gases pode provocar enjoo, embriaguês, dor de cabeça e inclusive desmaio". 

Há ainda a recomendação de que também devemos usar luva e roupa protetoras durante a aplicação ou mistura da tinta. Pode ser usado um creme facial não oleoso. NÃO usar cremes que contenham petróleo porque ajudaria a absorção da tinta na pele. Retirar os anéis, relógios, etc... antes de começar a trabalhar porque eles retêm partículas de tinta e as deixam em contato com a pele. Eliminar qualquer tinta que tenha salpicado a pele, lavando-a com água morna e sabão, ou com um limpador de pele aprovado. Depois de lavar, aplicar um condicionador/creme para a pele. Nunca usar diluentes para limpá-la.

Aprendeu? repasse a informação para o rapaz que está trabalhando em sua casa ou numa empresa perto de você.